4 faccionados morrem em confronto com a PM; menor de 17 anos tinha 22 homicídios

Reprodução/Internet

Fonte: Muvuca Popular

Da Redação

 

Quatro integrantes do Comando Vermelho morreram em confronto com policiais da Força Tática na noite de segunda-feira (10), em Tangará da Serra (240 km de Cuiabá). Três criminosos já foram identificados, sendo que dois eram menores de idade.

Segundo a PM, Kauã Vinícius Pereira, vulgo ‘Pinóquio’, de 17 anos, tinha 22 passagens criminais apenas pelo delito de homicídio. Luan Marlon Miranda Souza Gomes, conhecido como “Menor”, de 17 anos, tinha passagens por tráfico de drogas, ameaça, roubo, homicídio, formação de quadrilha e porte ilegal de arma de fogo. Elielton Oliveira dos Santos, de 18 anos, tinha passagens por roubo e tráfico.

De acordo com o boletim de ocorrência, o confronto aconteceu depois que os militares receberam informações de um possível roubo em andamento em uma residência no bairro Vale do Sol.

No local, os agentes encontraram nove homens que estavam sendo mantidos reféns por cinco criminosos. Conforme o relato das vítimas, os suspeitos invadiram a casa, as agrediram com socos e coronhadas enquanto faziam uma ligação de videochamada com uma pessoa conhecida como ‘Capetinha’. Com a chegada da polícia, as vítimas foram salvas e os suspeitos detidos.

Em seguida, a equipe recebeu informações que os demais integrantes do bando criminoso estavam em uma residência no bairro Jardim Tarumã. Quando a PM chegou no local, flagrou 5 criminosos armados, que começaram atirar contra a equipe. Eles revidaram e atingiram 4 deles, sendo que o outro conseguiu fugir.

Com eles, a polícia apreendeu 3 revólveres, sendo dois calibres 32 e um calibre 38, além de uma pistola. Também foi apreendido 7 porções de maconha, uma de pasta base de cocaína e R$ 428.